tecnologia na escola

5 exemplos práticos de como utilizar a tecnologia na escola

O mundo é digital, e a educação segue essa tendência. A tecnologia na escola torna a aprendizagem mais interessante e as aulas mais dinâmicas e interativas, colocando crianças e jovens como protagonistas desse processo.

Além disso, são recursos que estimulam o trabalho em grupo, a criatividade e a autonomia. Para os professores, é uma maneira de acompanhar de perto o desempenho e as dificuldades dos alunos de forma individual, ou seja, personalizada.

Quer conhecer cinco exemplos práticos de como a tecnologia pode ser utilizada no ambiente escolar? Confira nas próximas linhas!

1. Google for Education

O Google for Education é uma plataforma personalizável para as escolas, com uma proposta de aprendizagem colaborativa, permitindo o acesso de professores e alunos. Pode ser utilizado dentro e fora de sala de aula em qualquer horário, bastando um dispositivo conectado à internet.

A solução possibilita que os estudantes trabalhem em conjunto, mesmo a distância, para produzir um texto, um desenho ou qualquer outra atividade. Conta ainda com diferentes recursos, como:

  • aplicativos;
  • planos de aula;
  • ferramentas de alfabetização digital;
  • excursões virtuais etc.

2. Lousa interativa

É como se fosse um grande computador que funciona como a lousa da sala de aula, porém com muitas funcionalidades. É um sistema sensível ao toque, o que traz diversos recursos dinâmicos para melhorar a aprendizagem.

O professor pode apresentar as matérias de uma maneira interativa, utilizando, por exemplo, mapas, figuras, tabelas, e consegue compartilhar o que foi ensinado com os alunos de forma automática.

3. Gamificação

A tecnologia na escola pode ser utilizada com a gamificação, um jeito atraente de ensinar, pois se vale do universo dos jogos para motivar e engajar seu filho nas atividades. A ferramenta conta com desafios que estimulam jovens e crianças a vencerem etapas e ganharem pontos conforme conseguem responder às questões ou solucionar problemas.

4. Aplicativos

Existem diversos aplicativos que contribuem para o aprendizado ser mais interativo. As crianças, por exemplo, podem aprender alfabeto, noções de matemática, idiomas e outros conceitos com esses recursos dinâmicos. Em relação aos adolescentes, as ferramentas trazem lições e exercícios voltados à preparação para o vestibular.

As escolas também podem se beneficiar utilizando aplicativos para passar atividades de casa, facilitando o acesso dos alunos e acompanhamento dos pais das lições propostas.

5. Redes sociais

Quando pensamos em rede social, dificilmente vamos associar à educação. Mas saiba que essas plataformas podem ser utilizadas para a escola transmitir um conteúdo extra sobre arte, cultura, datas comemorativas, entre outros temas.

O canal pode ser usado também para estimular a criação de textos, como redações e poesias, e vídeos pelos alunos. Assim, torna-se um espaço de incentivo à criatividade e à troca de experiência entre eles.

Viu só como há diferentes opções para usar a tecnologia na escola? O mais interessante é que esses recursos permitem que os pais participem do aprendizado dos filhos em casa. Dessa forma, o ideal é acompanhar as tendências e escolher uma instituição de ensino que esteja atualizada quanto às ferramentas digitais no ensino.

Gostou deste post? Então vai gostar de entender como a tecnologia na educação vai revolucionar o aprendizado dos seus filhos!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.