tarefa escolar

Não perca 7 dicas para ajudar seu filho a fazer a tarefa escolar

A família desempenha um papel essencial nos resultados que a criança apresenta na escola. Esse papel envolve, muitas vezes, o desafio de ajudar no momento de fazer a tarefa escolar. Os professores, inclusive, podem já contar com esse auxílio para a criança no momento em que passam as lições que devem ser feitas em casa.

Para os pais e familiares, uma das maiores dúvidas nesse momento é como manter o equilíbrio entre intervir nas tarefas escolares e deixar que a criança busque sozinha as respostas. O que é aconselhável é ocupar a figura do “guia” e sempre mostrá-las o passo a passo de como resolver as perguntas de uma tarefa.

Criamos este post para esclarecer mais sobre essa e outras dúvidas de como os pais podem ajudar as crianças com as tarefas. Confira!

1. Ajude seu filho a criar uma rotina

Uma rotina pode ser algo poderoso para que os pequenos consigam criar o hábito de estudar diariamente e manter as tarefas sempre atualizadas.

Nas primeiras semanas, é difícil se acostumam com a repetição de horários, com o passar do tempo fazer o compromisso no mesmo horário acaba se tornando um hábito. E quando isso acontece o prazer de estudar acaba sendo uma consequência direta.

O primeiro passo para criar uma rotina de estudos é entender como o dia a dia dos pequenos está divido atualmente. Fazendo isso, vai ser mais fácil definir o tempo de estudo e escolher um período em que seu filho está mais disposto e que pode se ocupar com uma tarefa feita todos os dias.

2. Dedique um espaço do lar à realização das tarefas escolares

Onde seus filhos fazem a tarefa escolar? Se eles ainda não têm um espaço dedicado exclusivamente para resolver as tarefas, os trabalhos e outros compromissos da escola, é hora de mudar isso.

Afinal, ter um local de estudo organizado pode ajudar bastante as crianças a criarem uma rotina de estudos dia após dia. Pode parecer um detalhe, mas é bastante útil para estimular a concentração e a disposição para resolver as tarefas.

Não precisa ser um local muito enfeitado ou com muitos equipamentos. Uma mesa e uma cadeira confortável para manter a postura correta é o básico. Procure deixar no ambiente os equipamentos e materiais que os seus filhos vão usar na rotina de estudos. Além disso, certifique-se de que o ambiente é arejado e bem iluminado.

É claro que nada impede das crianças resolverem fazer as tarefas em outro lugar da casa, mas ter um espaço como regra pode fazê-las a entender que esse é um compromisso sério e que os adultos da casa estão dispostos a dedicar uma parte da casa para isso.

3. Elimine as distrações do ambiente

Hora de estudar é hora de estudar. Nada de deixar a TV ligada no programa favorito ou mexer no celular, caso isso não seja parte da resolução da tarefa escolar. Esses cuidados vale tanto para a criança quanto para os adultos que se dispuseram a ajudá-la.

Se seus filhos estiverem tentando resolver as questões de uma tarefa, enquanto você está ao lado mexendo no celular, talvez a concentração deles será bastante prejudicada. Então, se você está lá para ajudar nas tarefas da escola, mostre atenção e esteja por dentro dos assuntos. Isso, com certeza, é um ótimo incentivo.

Powered by Rock Convert

4. Seja paciente

Dar limites é muitas vezes necessário, mas é bom evitar o tom de voz agressivo. Além disso, julgar de maneira instintiva e sem fundamento pode mais prejudicar o ritmo de aprendizado do que ajudar.

A paciência vai mostrar para seus filhos que até os maiores problemas podem ser resolvidos com concentração e equilíbrio.

5. Tenha dúvidas e busque respostas com seus filhos

Não precisa ter receito de mostrar que você também tem dúvidas na tarefa. Ao contrário, se você não souber responder uma dúvida dos seus filhos, vá em busca com eles da resposta mais adequada.

Consultem o Google e os livros didáticos. Se a dúvida persistir, é melhor deixar que ela seja resolvida em sala de uma aula com os professores. Se seus filhos encontrarem a resposta primeiro que você, deixe que eles expliquem em voz alta e mostre interesse na descoberta!

6. Estimule a autonomia

Pode levar tempo, mas vale a pena ajudar a criança a aprender no próprio ritmo. Esse é, sobretudo, um gesto de amor e de carinho, que a deixa mais confortável e entrelaça os seus laço com os familiares.

Ajudar nas tarefas da escola também demanda uma dose de autonomia para ser algo que trará resultados. Mostre que o desenvolvimento da tarefa depende dos seus filhos. Aposte na motivação com perguntas e deixando que eles resolvam questões sozinhos, mas sem apressar o processo.

7. Jamais faça tudo só

Pode acontecer de seu filho não entender a tarefa de jeito nenhum, e você sentir vontade de simplesmente resolver uma questão por ele. Essa não é uma prática recomendável, embora seja comum.

Mesmo que você acabe resolvendo uma ou outra questão da tarefinha, é fundamental que a criança tenha acompanhado o caminho das pedras, ou seja, como você conseguiu resolver uma questão de matemática, por exemplo.

Assim, ela pode usar a resposta como modelo para fazer a tarefa por si mesma da próxima vez. Mas tome cuidado para que isso não aconteça com frequência. Esse é um erro grave, que prejudica a autonomia na busca pelas respostas certas.

É importante entender que o momento do não saber, de ter dúvidas, é parte do desafio de aprender e pode ser enriquecedor para uma criança. Entregar a resposta, sem mais nem menos, pode comprometer esse processo.

A ajuda dos adultos nas tarefas escolares é algo indispensável em uma certa idade da criança. Com o passar do tempo, é cada vez mais comum que ela consiga lidar com essa responsabilidade com autonomia e mais confiança. Mas, como vimos, desde cedo é importante estimular uma independência para resolver a tarefa escolar!

E aí, gostou das dicas? Então aproveite para se aprofundar em outros assuntos do nosso blog, agora nas dicas de como ajudar seus filhos nas aulas remotas.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.