o que são as fake news

 O que são as fake news e como combatê-las?

A Internet trouxe muita facilidade à sociedade, especialmente para receber e compartilhar informações. No entanto, o que poderia só trazer vantagem, auxiliando, inclusive, nos estudos em casa de jovens e crianças, merece atenção especial dos pais quanto aos conteúdos falsos que se espalham facilmente.

Mas você sabe o que são as fake news e como lidar com elas junto aos seus filhos? É justamente esse o assunto deste conteúdo especial. Continue a leitura e descubra a melhor maneira de combater as informações falsas!

O que são as fake news?

Fake news significa notícias falsas, tendo como característica a rápida disseminação, principalmente com o amplo uso das redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram) e aplicativo de mensagens (WhatsApp).

Geralmente, são informações que trazem um apelo ou novidade e são inusitadas. Podem ainda deixar a população alarmada, fazendo com sejam compartilhadas por diferentes usuários de forma muito rápida.

Elas ganham força com o uso de robôs, que imitam o comportamento humano, e são projetados para passar a impressão de que um determinado assunto chamou a atenção de muitos usuários, reforçando sua distribuição nas redes sociais.

É um fenômeno que ocorre no Brasil e no mundo, sendo muito perigoso, pois as pessoas podem compartilhar, por pura inocência, um conteúdo inverídico. Há também o fato de muita gente acreditar no que lê, influenciando, por exemplo, sua saúde ou, até mesmo, opiniões políticas.

Como identificá-las?

Um exemplo famoso são as fake news que trazem o perigo de tomar vacinas, deixando alguns pais em dúvida se devem ou não levar o filho para participar das campanhas. Em resumo, as consequências desse tipo de conteúdo são sérias, exigindo que os adultos tenham uma supervisão redobrada quando as crianças e jovens estão navegando na rede.

Para identificá-las, é preciso seguir alguns passos, como:

  • checar se a fonte da notícia é de referência, como grandes portais de mídia;
  • verificar se a informação aparece em outros sites de notícias que você costuma se informar;
  • ler todo o conteúdo e não compartilhar informações apenas pelo título.

Além disso, é possível se valer de alguns sites que atestam a veracidade dos fatos, como:

Qual a melhor maneira de orientar os filhos nessa questão?

As crianças e os jovens estão cada vez mais conectados, e não há nenhum mal nisso. Contudo, para eles aproveitarem somente o que a Internet tem a oferecer de bom, é fundamental que os adultos supervisionem as atividades online de seus filhos e orientem quanto a uma navegação saudável.

Explique que existe muito conteúdo falso na rede e que, antes de compartilhar qualquer coisa, é importante consultar os pais a fim de entender se aquilo é verídico ou não e se pode ser compartilhado para outras pessoas.

Mostre ao seu filho como checar os fatos, incentivando sempre a se informar pelos grandes veículos de comunicação e a manter uma postura crítica em relação ao que recebe nas redes. Nessa hora, estimular o diálogo em casa pode ser um bom caminho para discutir diferentes assuntos.

Caso ele receba fake news de um amigo, é preciso alertar de forma cordial a pessoa de que aquele conteúdo é falso, de modo que ela não passe adiante. Por último, destaque como esse comportamento mais cuidadoso é essencial para mantermos nosso caráter, porque mentiras nunca devem ser compartilhadas.

É possível aproveitar todo o universo de conhecimento que o mundo digital nos oferece, mas sempre com muita precaução. Agora você já sabe o que são as fake news e como pode ajudar seu filho a não acreditar ou compartilhar notícias falsas, prezando pelo acesso às informações verídicas e desenvolvendo nele o senso de discernimento.

Quer mais dicas como essas? Basta assinar nossa newsletter e receber nossos conteúdos diretamente em seu e-mail!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.