Como a junção de matemática e tecnologia pode divertir o aprendizado

6 minutos para ler

O ensino tradicional pode ser um pouco cansativo e entediante para os alunos, que acabam tendo a capacidade de concentração e foco prejudicada. Uma ótima alternativa é oferecer uma metodologia na qual o estudante possa aprender brincando — como ao juntar o aprendizado de matemática e tecnologia.

Afinal, as crianças e os jovens estão cercados por dispositivos tecnológicos. Encontrar uma forma de levar essas ferramentas para a sala de aula ajuda não só o professor a ensinar o conteúdo de maneira mais ágil, como também o aluno, que terá facilidade para se concentrar em seu aprendizado e interiorizar aquele conhecimento.

Pensando nisso, neste texto, vamos mostrar quais são os principais benefícios de diversificar o ensino e como matemática e tecnologia se relacionam na sala de aula para potencializar o aprendizado. Ficou interessado? Então, continue a leitura e confira!

Por que é importante diversificar o ensino?

Um dos problemas com os quais as instituições de ensino precisam lidar é a evasão. Afinal, é difícil manter o interesse do aluno no ambiente escolar, uma vez que ele acha as metodologias chatas e distantes do seu mundo. Por isso, é importante tornar o currículo mais atraente e diversificado.

Uma maneira de conseguir isso é mudando a forma de ensinar, deixando os conceitos mais concretos e melhorando a qualidade do ensino. Premiar os alunos que tiverem bom desempenho, aumentar a supervisão e aproximar os professores dos estudantes são outros meios de fazer esses jovens se sentirem mais ligados à escola e ao corpo docente.

Para que eles possam desfrutar melhor da relação ensino-aprendizado oferecida pela instituição, uma alternativa é adicionar ferramentas tecnológicas à metodologia utilizada. Dessa forma, será mais fácil conquistar a atenção do aluno e despertar o seu interesse sobre os tópicos do currículo escolar.

Como a tecnologia pode ser utilizada em sala de aula?

Foi-se o tempo no qual as escolas dependiam de mimeógrafos para distribuir conteúdos aos alunos. Agora, é possível contar com fotocópias e impressões ou disponibilizar os arquivos na nuvem para que sejam visualizados nos notebooks ou tablets dos jovens.

As apresentações também sofreram mudanças, indo da projeção com transparência, para o retroprojetor ligado a um computador, chegando às modernas lousas interativas. As escolas, por fim, passaram a contar com laboratórios de informática cada vez mais modernos e atualizados, podendo oferecer, até mesmo, aulas de programação e robótica.

Esses são apenas alguns poucos exemplos de como a tecnologia pode ser utilizada na sala de aula. Se você pensar em disciplinas específicas, verá que há muitas outras ferramentas disponíveis para o professor tornar o ensino-aprendizado mais interessante ao aluno.

Como matemática e tecnologia se relacionam no aprendizado?

Como vimos, é possível utilizar a tecnologia no ambiente escolar para tornar o aprendizado mais ágil e divertido para os alunos, além de melhorar a capacidade de absorção desse conteúdo. Com o ensino de matemática, não é diferente.

A seguir, veja de que forma matemática e tecnologia podem auxiliar o processo de aprendizado e desenvolvimento dos estudantes na hora das aulas.

Uso de calculadoras e computadores

Apesar de muitos professores acreditarem que o aluno precisa saber como realizar os cálculos “na mão”, perde-se muito tempo com esses processos, principalmente quando se trata de crianças maiores e adolescentes, os quais lidam com muitas tarefas e disciplinas.

Em contrapartida, ao usar calculadoras e computadores para resolver tais operações, é possível deixar a aula mais dinâmica, podendo cobrir uma quantidade maior de conteúdo e tirar as dúvidas de maneira mais acertada.

Utilização de planilhas eletrônicas

As planilhas eletrônicas são ótimas ferramentas para acompanhar dados que sofrem constantes mudanças e resolver problemas matemáticos. Elas também são muito usadas com o objetivo de programar facilmente determinadas funções que o computador resolverá automaticamente, bastando adicionar os valores necessários.

Construção de gráficos digitais

Você se lembra de quando se deparava com um problema que pedia a criação de um gráfico em sua solução? Era preciso pegar réguas e compassos, além de ser necessário, por vezes, refazer todo o desenho.

A matemática e a tecnologia se unem para facilitar nossas vidas. Com um computador, basta adicionar os valores e aguardar o software gerar o gráfico solicitado. Dessa forma, economiza-se um tempo importante que pode ser usado em outros tópicos da disciplina.

Acompanhamento de dados em tempo real

Imagine que os estudantes precisem realizar uma pesquisa. Antes, seria preciso esperar o seu término para levantar os dados. No entanto, com a tecnologia certa, é possível inseri-los no software conforme eles forem coletados e acompanhar os resultados em tempo real, oferecendo muito mais dinamismo à atividade.

Uso de aplicativos para o aprendizado de matemática

Por fim, é possível se beneficiar de programas de computador e aplicativos para aprender matemática voltados a diversas faixas etárias. Por meio deles, o aluno poderá aprender desde as operações básicas até as equações mais avançadas, resolvendo exercícios de forma muito mais ágil e divertida do que apenas com livros didáticos.

Por que optar por uma escola que invista na tecnologia?

Uma série de tecnologias podem ser utilizadas em sala de aula para tornar o processo de ensino-aprendizado mais ágil, divertido e dinâmico. Entretanto, é preciso que a escola invista nesse departamento.

Além de permitir as facilidades apresentadas neste texto, esse investimento do colégio também demonstra que ele tem um corpo docente atualizado e considera importante para a vida profissional do aluno o contato desde cedo com essas ferramentas.

O Colégio Verbo Divino, por exemplo, é pioneiro na utilização de tecnologias, introduzindo-as em sua metodologia com o cuidado necessário para que o seu corpo técnico e docente estejam preparados a incorporá-las na rotina diária. Dessa forma, visa-se a incentivar a criatividade dos alunos em relação às novas aprendizagens.

Neste post, vimos muitas formas de aliar matemática e tecnologia a fim de aprimorar o ensino da disciplina na instituição de ensino. No entanto, ela precisa dispor de equipamentos atualizados e profissionais capacitados a utilizar essas ferramentas em sala de aula. Por isso, ao escolher a escola para o seu filho, considere também esse investimento.

Se você gostou deste conteúdo, aproveite para seguir os nossos perfis nas redes sociais e fique por dentro de nossas postagens. Estamos no Facebook, no Instagram e no YouTube!

Posts relacionados

Deixe um comentário