futuro da educação

O que podemos esperar para o futuro da educação?

A educação vem sofrendo constantes mudanças, sobretudo em suas metodologias de aprendizagem. Recentemente, com a pandemia, algumas técnicas ganharam mais visibilidade e passaram a integrar o ensino remoto nas escolas.

Por conta da rápida transformação, os pais devem estar atentos às mudanças na prática pedagógica para conseguir adaptar a rotina e o acompanhamento com o filho. Dessa maneira, o aluno terá mais chances de ter um bom desempenho e aproveitamento dos conteúdos, mesmo a distância. 

Acompanhe a seguir e descubra o que esperar do futuro da educação e quais são as principais ferramentas de aprendizagem que têm sido utilizadas pelos educadores. Confira!

Gamificação

A gamificação se baseia na utilização de jogos virtuais para transmitir conteúdos e aprofundar os conhecimentos em sala de aula. O método funciona para praticamente todas as disciplinas e contribui para a melhora da cognição e da memória. 

O ensino se dá de forma prazerosa e divertida, e os discentes ainda aproveitam para desenvolver algumas habilidades, como criatividade, raciocínio lógico, trabalho em equipe, entre outros. A gamificação pode ser facilmente implementada nas aulas online ou ser trabalhada como atividade presencial.

Salas de aula virtuais

Um dos avanços que a pandemia trouxe, com a paralisação das aulas presenciais, foi o aperfeiçoamento das plataformas interativas de aprendizagem. As salas de aula virtuais já eram populares devido à sua eficiência, uma vez que permitem que o estudante interaja diretamente com professores e tutores.

No ambiente online, o aluno ainda tem acesso aos materiais didáticos obrigatórios e complementares, às notas, faltas e atividades avaliativas. Ou seja, tudo o que ocorreria na sala de aula presencial pode acontecer em um espaço virtual, possibilitando que a turma se relacione e troque experiências.

Aprendizagem colaborativa

A aprendizagem colaborativa consiste em uma estratégia pedagógica que possibilita aulas mais dinâmicas e interativas. Nesse método, os estudantes participam ativamente da transmissão do conhecimento, permitindo que toda a classe se desenvolva em conjunto.

A prática oferece inúmeros benefícios para o processo de ensino, como aprimoramento do senso crítico, da comunicação, dos relacionamentos interpessoais, entre outros. A aprendizagem colaborativa já era uma tendência antes da pandemia, uma vez que investe em um modelo que cria ambientes em que todos evoluem juntos. 

Personalização do aprendizado

O ensino personalizado é um método que pode auxiliar significativamente os alunos que apresentam dificuldades em determinadas disciplinas e conteúdos. A abordagem visa conhecer mais de perto a realidade do discente, de forma a oferecer um formato mais adequado para o seu contexto. 

A personalização do aprendizado é uma proposta que vai contra a padronização da educação e busca promover o desenvolvimento da turma de forma individual. A técnica tem sido cada vez mais integrada aos currículos escolares, por ser consistente o suficiente para atender à demandas específicas dos estudantes.

Humanização

A humanização é uma abordagem que se baseia no diálogo, no engajamento e na aproximação do educador com os alunos. A construção do saber é feita de forma humanizada, colocando o estudante no centro do processo de aprendizagem. 

Powered by Rock Convert

A autonomia é um dos aspectos mais trabalhados no ensino humanizado, possibilitando que a turma tenha mais senso crítico e liberdade para resolver suas questões. A tecnologia, por exemplo, é uma importante aliada desse formato, uma vez que contribui para o aumento da interação e do uso de recursos que facilitam a apreensão do conhecimento.

Robótica

A robótica é um instrumento que possibilita colocar em prática os conteúdos adquiridos em sala de aula. Apesar de a ferramenta ser utilizada nas matérias de exatas, ela pode ser aplicada de forma multidisciplinar na escola, uma vez que tem potencial para desenvolver uma série de habilidades nos estudantes. 

O método trabalha o lado intelectual e cognitivo, sobretudo das crianças. Com a robótica, os mais novos têm acesso a um ambiente em que é possível manusear, criar e programar, promovendo o raciocínio lógico e atividades lúdicas que são essenciais para diversas áreas do conhecimento.  

Ensino híbrido

O ensino híbrido é outra tendência na educação que mistura práticas em sala de aula com atividades em ambientes virtuais, oferecendo melhores experiências de aprendizagem. Ele pode ser combinado com práticas presenciais e remotas, por meio da utilização de ferramentas digitais.

A metodologia facilita o envolvimento dos pais nas tarefas escolares e pode favorecer também a autonomia dos alunos. A tecnologia, quando bem manuseada, é uma ferramenta que pode ajudar a orientar e supervisionar o ensino híbrido, em qualquer nível de escolaridade.

Inteligência artificial

Por fim, a inteligência artificial é mais uma inovação tecnológica que permite avaliar os conhecimentos obtidos pelos estudantes, identificando de forma mais precisa suas dificuldades de aprendizagem. Assim, os educadores podem planejar melhor as aulas e optar por abordagens mais eficientes. 

Na educação infantil, a inteligência artificial tem sido implementada por meio de jogos, programas de computador, aplicativos e dispositivos. Isso possibilita que os professores acompanhem os alunos de forma individualizada, de maneira a apoiar com mais precisão e rapidez suas demandas e necessidades no processo de ensino. 

Quais são as vantagens das ferramentas para a educação?

Por meio das diferentes tecnologias e ferramentas voltadas para a educação, os discentes podem ter melhores resultados e desempenhos nas diferentes disciplinas. Os métodos aplicados em sala de aula e na aprendizagem ampliam as capacidades e habilidades dos pequenos, favorecendo seu desenvolvimento e produtividade nas atividades.

Ao contrário de modelos mais tradicionais, as abordagens modernas contribuem para a autonomia e a personalização do ensino. Com isso, os educadores conseguem construir o conhecimento em conjunto com os alunos, que acabam se tornando protagonistas em sala de aula, tanto no formato presencial quanto remotamente.

É muito importante que a família se envolva na educação dos pequenos e conheça as inovações, até mesmo para que consigam se adaptar mais rapidamente às mudanças. Assim, os pais podem auxiliar e ter um acompanhamento mais preciso das dificuldades e necessidades dos filhos.

O que se espera para o futuro da educação é que os estudantes se tornem mais engajados e interessados nos diferentes temas e conhecimentos praticados nos ambientes escolares. É fundamental, portanto, que a família escolha uma instituição de ensino compromissada em promover espaços de troca e experiência mais significativas para a rotina de estudos.

Gostou do conteúdo? Aproveite e compartilhe o post em suas redes sociais para que essas informações cheguem a mais pessoas!

Powered by Rock Convert

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

1 Comentário

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.