Saiba como motivar seu filho a estudar

9 minutos para ler

Um bom rendimento escolar depende de vários fatores e um dos mais importantes é o efetivo envolvimento das crianças e dos jovens. Reconhecidos especialistas e profissionais da educação afirmam que os estudantes aprendem mais quando adquirem prazer pelos estudos.

O papel dos pais é determinante para que o processo de ensino e aprendizagem seja bem-sucedido. Por essa razão, é necessário que compreendam a importância de uma educação de qualidade para a vida dos seus filhos — e, sobretudo, que saibam que isso vai muito além de tirar boas notas.

De início, para que o aluno se sinta motivado para estudar é preciso que ele não esteja sobrecarregado e que não encare essa tarefa como mais uma obrigação. E, agora, você deve estar se perguntando: mas como fazer isso?

Fique tranquilo, pois, a seguir, vamos apresentar uma série de dicas valiosas para ajudar na motivação nos estudos do seu filho. Continue a leitura do post e saiba tudo sobre o assunto!

Entenda a importância da motivação nos estudos do seu filho

Estabelecer uma porta de diálogo com os filhos é uma chance para os pais compreenderem aspectos da personalidade que possam trazer dificuldades para o estudante. No entanto, isso também pode ser uma ótima oportunidade de animá-lo com os estudos.

Vale destacar que a palavra “motivação” deriva do termo em latim “motivus” que, por sua vez, significa “aquilo que move, que impele”, ou seja, para que o aluno queira realmente aprender, ele precisa de um motivo, de um objetivo. O estímulo para os estudos depende, assim, de um esforço de autoconhecimento e as conversas entre pais e filhos podem atuar nessa direção.

De modo a facilitar a incorporação das práticas pedagógicas ao cotidiano das crianças e dos jovens e contribuir para aumentar o interesse deles pelo ato de estudar, é fundamental que as escolas trabalhem em parceria com as famílias.

Para tanto, as instituições de ensino devem partir de duas premissas: cada estudante tem uma capacidade de entendimento diferente e todos precisam de um apoio constante para alcançar os seus objetivos.

Contudo, nem sempre o processo é fácil, pois ele implica um compromisso contínuo por parte dos pais e educadores. Por isso, é importante apurar uma visão a longo prazo, explicando os benefícios que um bom desempenho escolar pode proporcionar aos estudantes no futuro.

Descubra como motivar o seu filho a estudar

Como dito, a motivação é determinante no que diz respeito a performance educacional. Por essa razão, o seu filho deve ser estimulado a dar o seu melhor nos estudos de todas as áreas do conhecimento, e não só naquelas com as quais ele se identifica.

O apoio emocional da família é muito importante para a construção da autoconfiança e, consequentemente, para a conquista de bons resultados no que diz respeito ao aprendizado. Contando com a participação dos pais, o aluno terá mais chances de se destacar na vida escolar, superando o desânimo e quaisquer outros fatores que possam atrapalhar o desenvolvimento.

Veja abaixo orientações importantes para que o seu apoio seja efetivo e eficaz!

Esteja disposto a ajudar

Demonstre sempre disposição para ajudar, pois, alguns obstáculos não conseguem ser superados sozinhos. O estudante pode criar o sentimento de incapacidade, que pode prejudicar o processo de motivação. Assim, acompanhe cada passo dos estudos e tente descobrir em quais aspectos o seu filho apresenta mais dificuldade. Com isso, ele sentirá mais segurança, percebendo que tem com quem contar.

Defina metas

Determine pequenas metas e tente demonstrar como elas são facilmente alcançáveis quando se tem empenho e dedicação. Dessa forma, a criança ou o jovem terá mais motivação para dar o próximo passo. É interessante propor, também, algumas recompensas em troca do bom desempenho. Só tenha cuidado e equilíbrio para que ele não se acostume a fazer as tarefas sempre esperando ganhar algo em troca.

Ofereça suporte emocional

Vale destacar novamente que o suporte emocional é fundamental para que seu filho não se abale com pequenos fracassos. Portanto, deixe claro que você deseja ajudá-lo e mostre, desde cedo, que a persistência trará sucesso na vida escolar. O mais importante, nesse caso, é demonstrar que os obstáculos servem como estímulo para intensificar a dedicação aos estudos.

Estabeleça uma rotina

Nessa fase da vida, é comum que os jovens e as crianças se sintam um pouco perdidos diante de tantos compromissos. Essa agitação pode afetar o desempenho escolar. Os pais têm o papel de evitar ao máximo que isso ocorra. Portanto, defina horários para cada atividade, determinando uma rotina em que haja tempo para estudar e se divertir nas horas vagas. E seja rigoroso no monitoramento e cumprimento desses horários, para que seu filho crie o hábito de estudar no período estabelecido.

Reconheça os momentos de esforço

Reconhecer o esforço feito pode ser muito positivo para o desenvolvimento do seu filho. Busque parabenizá-lo pelas conquistas, mesmo que sejam pequenas, e comemore cada vitória em família. Contando com apoio, compreensão e interesse dos pais nesse momento, o estudante vai valorizar mais os resultados e continuar se dedicando com ainda mais empenho para alcançar seus objetivos.

Entenda como incentivar os estudos em casa

Atualmente, o ensino a distância é uma realidade para muitos. Ainda que esse não seja o caso do seu filho, estabelecer uma rotina de estudos em casa é de fundamental importância para garantir a apreensão dos conteúdos ensinados em sala de aula.

No entanto, fatores como excesso de distrações, falta de contato pessoal, dificuldade com a organização, entre outros, podem tornar a tarefa de estudar em casa ainda mais difícil (e desinteressante) para as crianças e para os jovens.

Levando isso em consideração, oferecemos alguns conselhos para você ajudar o seu filho a desenvolver o interesse nos estudos feitos dentro de casa. Acompanhe a seguir!

Descubra o que funciona

Sabemos que nenhuma pessoa é igual a outra e isso vale também para o aprendizado, ou seja, cada pessoa aprende de uma forma diferente. Não existe uma fórmula mágica que vai fazer com que o estudante encontre motivação para os estudos do dia para a noite. Por isso, cabe aos pais descobrirem com os filhos, o horário, a ordenação e a maneira de estudar que funciona para ele.

Forneça um espaço exclusivo

Um dos elementos que influem de maneira decisiva na qualidade do aprendizado é a infraestrutura oferecida ao aluno, seja na escola ou em casa. Assim, é fundamental disponibilizar um espaço exclusivo e adequado para os seus estudos. Todo o material necessário deve estar ao seu alcance, bem como o ambiente deve ser o mais confortável e silencioso possível.

Afaste os elementos de distração

Ninguém consegue aprender sem concentração. Logo, os elementos de distração tais como celulares, computadores e televisão devem ser desligados ou afastados. Se o seu filho estiver estudando pelo computador, certifique-se de que aquela é a única tela acessível naquele momento. O excesso de informações faz com que o estudante não consiga focar em nenhum assunto e sem foco não há aprendizado.

Participe do processo

Nas escolas, as discussões e o contato constante com os colegas tornam o ensino muito mais interessante. Além disso, os estudantes podem assimilar melhor o conteúdo ao ensinarem seus companheiros de turma. Assim sendo, participar de algumas atividades educativas com o seu filho ou mesmo pedir para que ele explique algo a você, pode ser uma ótima maneira de encorajá-lo a aprender mais.

Saiba qual é o papel da escola na motivação do aluno

As instituições de ensino têm um papel fundamental na motivação de seus alunos. Desse modo, os professores devem oferecer um aprendizado significativo, que estimule a socialização em relação ao mundo externo, fazendo com que compreendam e exerçam a cidadania.

Os docentes podem estimular o interesse pelas disciplinas, despertando o comprometimento com os estudos e as tarefas escolares, planejando e organizando suas aulas da melhor forma. Deve-se considerar, também, que o aprendizado de habilidades e capacidades facilita o alcance dos objetivos escolares.

Nesse sentido, as escolas têm a responsabilidade de desenvolver, além do pensamento lógico e da criatividade, meios para que os estudos possam ocorrer de forma atraente e eficaz. Para tanto, é preciso entender como os alunos aprendem e quais são as suas necessidades e metas. Assim fica mais fácil direcioná-los e orientá-los para desenvolver uma aprendizagem de qualidade.

Por fim, a missão do colégio deve ser a de oferecer oportunidades para o exercício pleno da cidadania para toda a comunidade educativa. Como espaço de reflexão nas diversas áreas do saber humano, a escola tem o dever de contribuir para a criação de um mundo mais harmonioso, compreendendo as dificuldades e acolhendo as diferenças.

Agora que você já sabe como motivar seu filho a estudar, certamente será muito mais simples ajudá-lo nessa tarefa, não é mesmo? Participar da vida escolar da criança é essencial para aumentar o rendimento. Portanto, engaje-se e mantenha-se sempre solícito para auxiliar no que for preciso.

Gostaria de ter acesso a outros conteúdos como este? Então, assine a nossa newslettere participe cada vez mais ativamente da educação do seu filho. Até a próxima!

Posts relacionados

Deixe um comentário