como estimular o bebe a falar

Como estimular o bebê a falar? Confira 7 dicas que podem ajudar!

É muito comum os pais terem dúvidas sobre como estimular o bebê a falar. Geralmente, os bebês começam a balbuciar por volta dos 6 meses e dizem suas primeiras palavras entre os 10 e 12 meses, às vezes 15. A partir desse momento, começam a absorver um número de palavras cada vez maior e, após 18 meses, já as combinam frases simples.

Mas é bom lembrar que toda essa experiência do desenvolvimento dessa habilidade cognitiva varia muito. Algumas crianças andam e/ou falam cedo, outras mais tarde. Logo, é preciso respeitar esse tempo, porém, estimulando suas habilidades de linguagem, já que o potencial de aprendizado infantil é gigantesco ― em outras palavras, o cérebro dos bebês é comum um livro com páginas em branco esperando para serem preenchidas.

Pensando nisso, criamos este artigo para explicar brevemente as fases iniciais do desenvolvimento da linguagem e dar dicas de como estimular o bebê a falar. Fique conosco nesta leitura e descubra como apreciar essa incrível etapa da vida!

Etapas do desenvolvimento da fala do bebê

Vamos começar mostrando a você um breve cronograma das etapas naturais do desenvolvimento da fala nos bebês. Confira!

Até 4 meses

Nessa fase, seu bebê provavelmente balbuciará ou até mesmo copiará alguns dos sons que ele vem ouvindo desde o nascimento. Seus gritos e o choro também podem soar diferentes, dependendo se ele está com fome, cansado ou com dor.

Por volta de 6 meses

O bebê começa a perceber e entender algumas palavras entre a confusão de sons que ouve, como seu nome e os nomes de outras pessoas e objetos familiares. Também, pode emitir alguns sons, como os vocálicos “a”, “e” e “ó”, além de consoantes como “m” e “b”.

Por volta de 9 meses

O bebê já começa a produzir sons muito próprios e, às vezes, bem longos, como “ma-ma-ma-ma-ma-ma” e “ba-ba-ba-ba-ba-ba”. Além disso, passa a imitar sons e gestos de outras pessoas. Também, entende o significado de palavras como “não”.

Ao completar 1 ano

Agora, os bebês já podem dizer as primeiras palavrinhas, como “mamãe” e “papai”. Eles também podem tentar repetir as palavras que você diz, bem como mudar o tom delas. Tudo está se tornando um discurso real!

De 12 a 19 meses

Aqui, os bebês também já começam a andar. Isso faz com que sua percepção de mundo aumente bastante. Então, tudo fica interessante e eles começam a querer conversar. As palavras tomam mais forma e um vocabulário próprio começa a surgir. 

7 Dicas de como estimular o bebê a falar

Desde o nascimento é possível estimular um bebê a falar, desde que aconteça de maneira natural, sem estresse e respeitando o tempo da criança. Seu bebê se desenvolverá em seu próprio ritmo, e você não pode forçá-lo a articular palavras antes de estar pronto. Mas há muitas coisas que você pode fazer para incentivar a comunicação. Veja aqui algumas ideias!

1. Converse com o bebê

Quanto mais você falar com seu bebê, melhor. Isso porque, a cada conversa, é emitida uma gama de palavras e sons que ajudam no desenvolvimento da linguagem, melhoram sua compreensão e aumentam seu vocabulário. Apenas, tome o cuidado de pronunciar as palavras corretamente, sem cortar sílabas ou omitir letras, por mais “fofo” que possa parecer. 

2. Narre o que estão fazendo

Cada interação com a criança pode ser narrada, como na hora da refeição, do banho, do sono, trocar de roupa ou brincar. Ao narrar o que está acontecendo, novos sons vão acontecendo e aí está mais uma oportunidade de aprendizado da fala.

3. Escolha brinquedos educativos

Brinquedos educativos que emitem sons, apresentam letras e números, estimulam a criatividade e prendem a atenção. Como são muito coloridos, divertidos e têm formas geométricas atraentes, são ótimos para estimular a fala. Para escolher os mais adequados a cada faixa etária, consulte as instruções da embalagem e veja que estímulos eles criam.

4. Leia para o bebê

Ler para o bebê é um ótimo estímulo não apenas à fala, mas também à compreensão do mundo. Por isso, compre muitos livros, preferencialmente interativos, como os almofadados ou em 3D, e permita que seu filho os manipule. O bebê ficará muito curioso e entretido!

Além disso, você pode associar o aprendizado da fala ao hábito da leitura. Inclusive, o best-seller “Como Ensinar seu Bebê a Ler”, do médico norte-americano Glenn Doman e sua filha Janet, ficou famoso no mundo todo por trazer um método revolucionário de ensino da leitura infantil que pode ser aplicado pelos próprios pais em casa ― desde o nascimento.

5. Nomeie objetos

Todos os objetos apresentados ao bebê devem ser nomeados, seja itens do seu universo, como a chupeta ou as roupinhas, seja as letras do alfabeto. A ideia é que o bebê associe a forma geométrica do objeto ou símbolo ao som das palavras. Inclusive, uma das propostas apresentadas pelos Doman em “Como Ensinar seu Bebê a Ler” é criar um alfabeto em letras grandes para brincar com seu filho, fazendo-o adivinhar seus nomes.

6. Cante músicas para o bebê

As palavras de uma canção têm uma força enorme no desenvolvimento da linguagem verbal. Quando você canta para seu bebê, ele passa a reconhecer os sons, observar seus lábios e, paulatinamente, começar a reproduzir o texto. Depois de um tempo, as palavras começam a tomar forma.

7. Brinque com frases mais elaboradas

Ao passo que seu bebê vai se desenvolvendo, você pode arriscar frases mais elaboradas e, por exemplo, pedir que ele as repita. Provavelmente, ele vai achar muito divertido brincar com os sons e todo mundo vai rir. Com o tempo, lindamente a articulação ficará mais clara e inteligível.

Esperamos que essas dicas de como estimular o bebê a falar envolvam a família toda. Além disso, saiba que a interação com as crianças e o próprio ambiente escolar auxiliam bastante no desenvolvimento da socialização e, claro, da linguagem. Então, se você deseja que seu filho receba uma formação integral desde os primeiros passos, busque escolas que prezam por pela educação humanística e o pleno envolvimento com a família. 

Se você quer saber como esse trabalho acontece no Colégio Verbo Divino, entre em contato conosco e agende uma visita para conhecer nossa escola e o projeto pedagógico do CVD!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.