A saúde mental e os estudos

Em meio a essa realidade de pandemia, devemos ter um cuidado muito grande com a saúde mental. Nos isolamos em nossas casas, não temos mais contato físico com nossos amigos e familiares … isso tudo mexe com o nosso emocional e aumenta a ansiedade, a insegurança, a tristeza e outros sentimento. Por isso, é tão importante falar sobre o assunto. O ser humano é um ser de afeto por excelência. É o que temos de mais importante na vida: as relações afetivas. Mas podemos nos adaptar e criar uma rotina para esse momento que estamos vivendo.
Às vezes, a ansiedade pode se manifestar de diferentes formas, como frustração, cansaço, raiva, excessos na alimentação ou falta de vontade de cuidar da gente mesmo. Então, saiba que um pouco de preocupação e nervosismo são completamente normais, assim como sentir falta dos amigos, da rotina e da escola. Para se afastar desse clima que vai tomando conta de você, pense que essa é uma forma de proteção que cada um tem. Você vai conseguir passar por isso! É sua capacidade de ficar em casa que vai proteger você, as pessoas com quem convive e até vai contribuir para toda a sociedade controlar a pandemia.
O ser humano é capaz de se adaptar e de se reinventar. Então, deixe sua criatividade te ajudar a cuidar de sua saúde mental!
O apoio familiar se torna essencial nessa realidade de isolamento social. Por isso, a participação dos pais é extremamente importante. Os filhos se sentirão seguros e confiantes sabendo que estão recebendo apoio e auxílio. Os alunos não devem se cobrar tanto. Eles precisam adequar a rotina agora em casa. Na hora em que o tédio bater, pense em como pode transformá-lo em algo positivo e útil. Até a próxima!
Texto da Orientadora Educacional Patrícia Cordeiro

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.